Apligraf
CADASTRO GRATUITO | ESQUECEU SUA SENHA? |  ASSINATURAS |  LOJA VIRTUAL |  FALE CONOSCO |  MAPA DO SITE
IBOVESPA   63853   +0.51%   24/03 DOLAR ABR 17   3114.00   -1.08%   24/03 DÓLAR COM.   R$ 3.109   -0.92%   24/03 IND ABR 16   53420.00   +2.24%   13/04 CDI CETIP   12.13%      24/03
IBRX 50   10641   +0.52%   24/03 DOW JONES   20596.72   0.00%   24/03 EURO   US$ 1.080   +0.32%   24/03 DI JAN 17   13.63   0.00%   29/12 OURO 250G   R$ 123.50   -0.56%   24/03
Cotações e Gráficos > opiniões de analistas > Jayme Ghitnick

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 24/03/2017

Os juros americanos até ensaiam um leve repique,  mas o dólar volta a cair;  o
ouro e o petróleo estão nos mesmos preços.    No Japão, o Nikkei225 ganhou
0,93%,  na Europa, o Stoxx50 recua 0,4% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500
sobe 0,1%,   até agora.        Por aqui, o mercado teve mínima alta moderado,
com volume abaixo da média de fevereiro.     A posição compradora dos
investidores não residentes no futuro do dólar passou de 115 mil para 109
mil contratos.   A posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do
Ibovespa passou de 33 mil para 39 mil contratos.     No aluguel de ações de
Petrobrás e Vale,  subiu o saldo de PETR3.    No pré pregão, o  futuro Abril
opera em baixa de 0,3%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 23/03/2017

Os juros americanos pararam de cair e com eles, o dólar;  o ouro ainda sobe e o
petróleo tem ligeiro repique, enquanto o minério de ferro segue perto do topo
recente.    No Japão, o Nikkei225 ganhou 0,23%,  na Europa, o Stoxx50 avança
0,3% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 sobe 0,2%,   até agora.        Por
aqui, o mercado teve repique moderado, com volume na média de
fevereiro.     A posição compradora dos investidores não residentes no futuro do
dólar passou de 105 mil para 115 mil contratos.   A posição compradora dos
investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 37 mil para 33
mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  todos os saldos
recuaram e bastante.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em baixa de 0,5%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 22/03/2017

Os juros americanos cedem mais um pouco,  mas o dólar reage um pouco vs o
euro,  ainda que caia vs o yen;  o ouro segue firme em alta,  mas o petróleo
ainda está fraco e nas Bolsas,  acomodação:    no Japão, o Nikkei225 perdeu
2,13%,  na Europa, o Stoxx50 recua 0,5% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500
cai 0,2%,   até agora.        Por aqui, o mercado teve forte baixa, com volume
pouco abaixo da média de fevereiro.     A posição compradora dos investidores
não residentes no futuro do dólar passou de 119 mil para 105 mil contratos.   A
posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou
de 48 mil para 37 mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e
Vale,  subiram os saldos de PETR4 e de VALE3.    No pré pregão, o  futuro Abril
opera em baixa de 0,7%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 21/03/2017

Os juros americanos continuam a ceder,  enfraquecendo o dólar, em especial vs o
euro;   nas commodities, poucas variações e nas Bolsas,  consolidação:    no
Japão, o Nikkei225 perdeu 0,34%,  na Europa, o Stoxx50 avança 0,6% e nos Estados
Unidos, o futuro do S&P500 sobe 0,2%,   até agora.        Por aqui, o mercado
teve forte repique, com volume bem acima da média de fevereiro (exercício de
opções: R$ 3,1 BB).     A posição compradora dos investidores não residentes no
futuro do dólar passou de 118 mil para 119 mil contratos.   A posição compradora
dos investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 49 mil para 48
mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  subiram os saldos
de PETR4 e de VALE5.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em alta de 0,3%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 20/03/2017

A semana começa sem maiores novidades:  o dólar está ligeiramente mais fraco,  o
ouro sobe e o petróleo cede.  Nas Bolsas,    no Japão,  é feriado,  na Europa, o
Stoxx50 recua 0,3% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 cai 0,1%,   até
agora.        Por aqui, o mercado teve forte baixa, com volume acima da média de
fevereiro.     A posição compradora dos investidores não residentes no futuro do
dólar passou de 129 mil para 118 mil contratos.   A posição compradora dos
investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 58 mil para 49
mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  recuaram os saldos,
exceto o de VALE5.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em baixa de 0,3%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 17/03/2017

Os mercados estão sustentados, ainda digerindo os últimos fatos.   Os juros, o
dólar e as commodities estão como ontem e as Bolsas também,  em linhas
gerais:     no Japão,  o Nikkei225 perdeu 0,35%,  na Europa, o Stoxx50 avança
0,3% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 sobe 0,1%,   até agora.        Por
aqui, o mercado teve baixa, com volume abaixo da média de
fevereiro.     A posição compradora dos investidores não residentes no futuro do
dólar passo de 138 mil para 129 mil contratos.   A posição compradora dos
investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa permaneceu em 58
mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  recuaram os saldos,
exceto o de PETR3.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em alta de 0,1%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 16/03/2017

O FED aumentou os juros básicos e a extrema direita não venceu as eleições na
Holanda e os mercados receberam com otimismo essas notícias,  os juros desabam
junto com o dólar,  ouro e petróleo reagem e as Bolsas também:     no Japão,  o
Nikkei225 ganhou 0,07%,  na Europa, o Stoxx50 avança 1% e nos Estados Unidos, o
futuro do S&P500 sobe 0,3%,   até agora.        Por aqui, o mercado teve forte
alta,  com volume acima da média de fevereiro.     A posição compradora dos
investidores não residentes no futuro do dólar passo de 159 mil para 138
mil contratos.   A posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do
Ibovespa passou de 60 mil para 58 mil contratos.     No aluguel de ações de
Petrobrás e Vale,  recuaram todos os saldos.    No pré pregão, o  futuro Abril
opera em alta de 0,3%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 14/03/2017

Os mercados estão ligeiramente mais fracos, enquanto que os juros seguem
subindo,  não afetando muito moedas e commodities:     no Japão,  o Nikkei225
perdeu 0,12%,  na Europa, o Stoxx50 recua 0,2% e nos Estados Unidos, o futuro do
S&P500 cai 0,1%,   até agora.        Por aqui, o mercado teve alta,
 com volume bem abaixo da média de fevereiro.     A posição compradora dos
investidores não residentes no futuro do dólar passo de 139 mil para 149
mil contratos.   A posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do
Ibovespa permaneceu em 59 mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e
Vale,  recuaram todos os saldos.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em
baixa de 0,3%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 13/03/2017

A semana começa com os juros americanos ainda altos,  mas com o dólar mais
fraco;   o ouro tenta um repique,  o petróleo segue fraco e as Bolsas estão mais
ou menos estáveis:     no Japão,  o Nikkei225 ganhou 0,15%,  na Europa, o
Stoxx50 recua 0,2% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 cai 0,1%,   até
agora.        Por aqui, o mercado teve leve repique,  com volume abaixo
da média de fevereiro.     A posição compradora dos investidores não residentes
no futuro do dólar passo de 148 mil para 139 mil contratos.   A posição
compradora dos investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 65 mil
para 59 mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  subiram os
saldos de Petrobrás.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em alta de 0,6%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017

COMENTÁRIO DE ABERTURA EM 09/03/2017

A noção de que melhora a situação do emprego nos Estados Unidos segue puxando os
juros e mantendo firme o dólar, enquanto que estão fracos o petróleo e o
ouro.     No Japão,  o Nikkei225 ganhou 0,34%,  na Europa, o Stoxx50 recua 0,2%
e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 cai 0,1%,   até agora.        Por aqui,
o mercado teve a terceira baixa seguida,  com volume abaixo da média de
fevereiro.     A posição compradora dos investidores não residentes no futuro do
dólar passo de 131 mil para 151 mil contratos.   A posição compradora dos
investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 59 mil para 63
mil contratos.     No aluguel de ações de Petrobrás e Vale,  subiram os saldos,
exceto o de VALE3.    No pré pregão, o  futuro Abril opera em baixa de 0,6%.

Jayme Ghitnick
Qualidade na Análise Técnica
Analista de Valores APIMEC/CVM
Administrador de Carteiras CVM 7143/2003
http://www.jaymeghitnick.com
http://ghitnick.com

(C) APLIGRAF 1988-2017


Declaração do Analista de Investimentos ou de Valores Mobiliários

De acordo com a Instrução CVM nº 483, de 6 de julho de 2010, Artigo 17º, o analista de investimento, ou de valores mobiliários, envolvido na elaboração deste relatório declara que as recomendações contidas neste refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Corretoras, à Bancos de Investimentos ou demais empresas.


Sobre os relatórios e análises publicados neste site

Os relatórios e análises são distribuídos somente com o objetivo de prover informações e não representam uma oferta de compra e venda ou solicitação de compra e venda de qualquer instrumento financeiro. As informações contidas nestes relatórios e análises são consideradas confiáveis na data que foram publicadas. Entretanto, as informações aqui contidas não representam garantia de exatidão das informações prestadas ou julgamento sobre a qualidade das mesmas, e não devem ser consideradas como tal. As opiniões contidas nestes relatório e análises são baseadas em julgamento e estimativas e são, portanto, sujeitas a mudanças.

O analista de investimento que preparou os relatórios e análises certifica que as opiniões contidas nestes refletem exclusivamente suas opiniões pessoais sobre a companhia e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

O analista de investimentos não detem, direta ou indiretamente, ações e/ou outros valores mobiliários de emissão das companhias objeto de seus relatórios e análises e não exerce quaisquer funções nas referidas companhias. A remuneração fixa e eventual remuneração(ões) variável(is) percebida(s) pelo analista de investimento não estão atreladas à precificação dos valores mobiliários emitidos pelas companhias objeto de análise nestes relatórios e análises. A remuneração variável, eventualmente recebida, está condicionada ao cumprimento de premissas qualitativas e quantitativas estabelecidas pela Apligraf.

Entretanto, o analista de investimento certifica que não participa de quaisquer transações de investment banking das companhias analisadas neste relatório e que sua remuneração não foi ou não será diretamente ou indiretamente relacionada a alguma recomendação ou opinião contida nestes relatórios e análises.

Nenhum diretor, empregado ou representante da Apligraf e/ou de suas afiliadas exerce cargo de diretor, conselheiro de administração ou fiscal das companhias cujos valores mobiliários são alvo de análise nestes relatórios e análises.

A Apligraf e/ou suas afiliadas não são titulares de 1% (um por cento) ou mais de ações ordinárias ou do capital social total das companhias cujos valores mobiliários são alvo de análise nestes relatórios e análises.

LREN3+4.20%27.3024/03
CMIG4+3.87%10.2124/03
LIGT3+3.69%21.1024/03
GOAU4-4.01%5.0324/03
EVEN3-5.99%4.5524/03
OIBR4-13.01%3.8124/03